Amazônia Legal

ATUALIZADO: Sikêra Jr. perde mais de 80 anunciantes, mas, não larga a pose e faz ameaça

Até a tarde de quinta-feira (22) Sikêra Jr. teve 81 empresas que já cancelaram o CNPJ do apresentador.

Por Marcelo Winter - Rondônia Já

segunda-feira, 19/07/2021 - 14:45 • Atualizado 22/07/2021 - 15:52
ATUALIZADO: Sikêra Jr. perde mais de 80 anunciantes, mas, não larga a pose e faz ameaça
Sikêra Jr. - Foto: Reprodução

Desde que fez uma série de falas preconceituosas contra o público LGBTQIA+ no programa Alerta Nacional de 25 de junho, Sikêra Jr. vem sofrendo uma campanha de boicote econômico feita pela Sleeping Giants Brasil, página do Twitter dedicada à combater pessoas que pregam a violência contra as minorias e as fake news.

Até a tarde de quinta-feira (21), o apresentador perdeu 81 anunciantes ao todo, desde o começo da campanha. Somente nesta quinta, foram 4 patrocinadores que cancelaram o CNPJ de Sikêra.

Ameaça velada

Sikêra Jr. postou no domingo (18) uma fala enigmática que soa como ameaça e no final a frase: “me aguardem”. O apresentador, no post, demonstrou que está sentindo os impactos do que vem acontecendo com o programa dele, um boicote que ameaça cancelar a atração, gravada em Manaus, nos estúdios da TV A Crítica e retransmitida para todo o Brasil pela RedeTv!

Post de Sikera Jr no Instagram – Foto: Instagram

Processo contra Neto

O post de Sikêra foi feito após o apresentador processar o ex-jogador Neto, que apresenta o programa Os Donos da Bola, pela BAND, Neto chamou Sikêra para a briga, ao vivo:

“A gente não pode, por exemplo, ter esse jornalista, que é o Sikêra Jr. falar o que ele falou sobre os homossexuais, sobre aquilo que a Burger King… Parabéns, Burger King. Por sinal, vocês arrebentaram. Parabéns pra vocês. Aí depois, no outro dia, o cara pede desculpas. Sabe por que ele pediu desculpa? Porque os patrocinadores saíram fora de lá. Ou você pensa assim ou você não pensa, irmão! Ou você é homem ou não é homem. Que não adianta você falar pra ganhar dinheiro do Governo. É seu pensamento esse? Se for seu pensamento, espero que você não me encontre. O dia que você me encontrar, em qualquer lugar, você vai ver só.”

Sikêra pede, na ação, R$ 44 mil por danos morais e a retirada na internet do vídeo em que Neto chama o apresentador de homofóbico, só que esta gravação já se tornou viral. Neto rebateu Sikêra com outro vídeo, postado junto com a família numa rede social, segurando uma bola com as cores do arco-íris e dizendo “não somos homofóbicos”, insinuando de forma velada, mais uma vez, quem na realidade manifesta preconceito.

Jogador Neto – Foto: Reprodução

Governo Federal financia Sikêra Jr.

Quando chamou Sikêra Jr. para a briga, Neto mencionou o fato do apresentador policialesco ganhar dinheiro do Governo (Federal), o que é uma realidade. Sikêra recebeu R$ 120 mil em verbas públicas. O apresentador é amigo da família do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Os pagamentos foram feitos de dezembro de 2020 a abril deste ano, segundo documento da Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social) entregue à CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) da Covid no Senado e analisados pelo jornal da Folha de S.Paulo.

Queda de audiência

A amizade entre o apresentador e o presidente foi demonstrada na quinta-feira (15), quando Bolsonaro ainda estava internado e Sikêra Jr. o entrevistou com exclusividade. Só que a atração, ao invés de aumentar a audiência, teve um efeito contrário.

Na Grande São Paulo, entre 18h29 e 18h40, o programa de Sikêra Jr oscilou entre 1 e 1,2 ponto na pesquisa em tempo real. Às 18h23, sem o presidente na tela, a RedeTV! tinha 1,8 ponto no placar da Kantar Ibope Media.

Além de provocar uma queda na audiência da RedeTv! a entrevista também serviu de oportunidade para Sikêra Jr. chamar a jornalista da CNN, Daniela Lima, de “cara de bolacha”.

Daniela respondeu Sikêra no Twitter, postando um “gif” de Mariah Carrey balançando a cabeça e dizendo “I don’t know her”, cuja tradução é “eu não a conheço”. Uma referência ao fato de Daniela não conhecer Sikêra Jr. como jornalista. Na verdade, o apresentador só estudou até a 7ª série do ensino fundamental, como ele próprio disse numa entrevista concedida à jornalista Leda Nagle, em 2018.

Sikêra Jr. entrevistando Jair Bolsonaro – Foto: Reprodução