Covid-19

Vacinação em Rio Branco (AC) e Cuiabá (MT) é interrompida por falta de imunizante

As duas capitais da Amazônia Legal interromperam a vacinação da primeira dose.

Por Marcelo Winter - Rondônia Já

quarta-feira, 23/06/2021 - 00:56
Vacinação em Rio Branco (AC) e Cuiabá (MT) é interrompida por falta de imunizante
Vacinação em Cuiabá - Foto: Divulgação

A prefeitura de Rio Branco suspendeu a aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19, após zerar o estoque de vacinas, nesta terça-feira (22).

Todas as doses que estavam estocadas foram utilizadas no mutirão realizado no fim de semana, onde mais de 8 mil pessoas foram imunizadas.

A prefeitura de Rio Branco também informou que as vacinas que chegaram ao Acre, na última segunda-feira (21), foram destinadas à aplicação de 2° dose, conforme determinação do Ministério da Saúde. mas, para aplicar a primeira dose, aguarda a chegada de mais imunizante.

Vacinação em Rio Branco – Foto: Divulgação

Cuiabá

A Prefeitura de Cuiabá confirmou no início da noite de terça-feira (22) que apenas um dos 4 polos de vacinação vai funcionar a partir desta quarta-feira (22) por causa do número insuficiente de vacinas disponíveis.

Segundo a prefeitura, Cuiabá recebeu Coronavac apenas para lactantes e segunda dose dos atrasados. Portanto, sem imunizantes, não haverá vacinação dos demais grupos nesta quarta (22). A aplicação da primeira dose está temporariamente interrompida, por causa da falta de vacinas, segundo o comunicado.

Apesar de Cuiabá sediar a Copa América de Futebol, o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, descartou doses extras da vacina para a capital do Mato Grosso e disse que “com relação as vacinas não há uma estratégia específica em relação a competição esportiva (Copa América)”.

Até terça-feira (22), o estado do Mato Grosso registrou 1.800 novos casos de coronavírus e 41 mortes nas últimas 24 horas.

Fonte: ac24horas e gazetadigital