Covid-19

Anvisa recomenda a suspensão das vacinas Janssen e AstraZeneca para grávidas

A recomendação pede que as gestantes sejam vacinadas apenas com as vacinas Pfizer e Coronavac.

Por Redação Rondônia Já

segunda-feira, 05/07/2021 - 23:53
Anvisa recomenda a suspensão das vacinas Janssen e AstraZeneca para grávidas
Gestante vacinada contra Covid-19 - Foto: Divulgação

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) recomendou suspender a aplicação de vacinas contra a Covid-19 em gestantes, dos laboratórios AstraZeneca e Janssen. A recomendação é para os imunizantes que usam vetor adenoviral, tecnologia presente nas duas vacinas citadas. A recomendação é que sejam aplicadas nas grávidas doses da Pfizer ou Coronavac.

Em maio deste ano, a agência já havia recomendado a suspensão do uso da AstraZeneca neste grupo. Em comunicado divulgado na sexta-feira (2) a agência ampliou a orientação à vacina da Janssen, que chegou ao país no final de junho.

Gestantes são grupo de risco

Em abril de 2020, as grávidas foram incluídas na lista de prioridade para vacinação contra a covid-19 porque fazem parte do grupo de risco. Um boletim do Observatório Covid-19 da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) lançado no final de junho aponta que a taxa de letalidade entre essas mulheres é altíssima, de 7,2%, mais que o dobro do índice do país (2,8%). Até maio deste ano, 1.156 gestantes morreram de Covid-19 só em 2021. Em 2020, foram 560 mortes neste grupo.

No comunicado 006/2021, assinado pela Gerência-Geral de Monitoramento de Produtos Sujeitos à Vigilância Sanitária (GGMON), a Anvisa reafirma que o público geral deve continuar tomando as referidas vacinas porque seus benefícios são muito maiores do que os riscos associados à infecção por covid-19.

Nossa produção entrou em contato com a assessoria da Agevisa, para saber se este mesmo parâmetro será adotado em Rondônia, mas, até o momento ainda não tivemos a resposta.

 

Com informações de O Dia