Notícia

Morre a candidata Léia Leandro, conhecida como “Cicciolina de Rondônia”

Léia Leandro lutava contra um câncer e morreu neste domingo (29).

Por Marcelo Winter - Rondônia Já

segunda-feira, 30/08/2021 - 00:45 • Atualizado 02:07
Morre a candidata Léia Leandro, conhecida como “Cicciolina de Rondônia”
Léia Leandro - Foto: Reprodução Facebook

Morreu neste domingo (29) em Porto Velho, a candidata Léia Leandro, de 58 anos. Ela se candidatou diversas vezes à vários cargos políticos desde a década de 90, no entanto só conseguiu ser suplente.

Em 1998, quando se candidatou à uma vaga de vereadora na Câmara Municipal de Porto Velho, colocou os seios para fora num comício e ficou conhecida como a “Cicciolina de Rondônia” em alusão à uma política que se elegeu deputada na Itália usando a mesma estratégia. Outro apelido que também tinha era “vitaminada”.

Léia Leandro lutava há anos contra um câncer e, neste final de semana, não resistiu. O velório da política será realizado a partir da meia-noite deste domingo na funerária Dom Bosco e o sepultamento vai ser as 17h de segunda-feira (30) no cemitério Recanto da Paz.

Léia Leandro, além de política, foi também atriz. Ainda jovem, atuou em circo e foi para o Rio de Janeiro, onde participou de filmes e peças teatrais, além de atuar como figurante em novelas da TV Globo.

De volta a Porto Velho, criou projetos de arte para crianças e adolescentes e atuou na política por 25 anos.

Léia deixa marido, três filhos e seis netos.

Léia Leandro jovem – Foto: Reprodução Facebook