Polícia

Professora infantil, mãe de cantor sertanejo, morre em acidente na BR-364 em Candeias do Jamari

A professora ficou presa nas ferragens durante colisão com carro conduzido por motorista com sinais de embriaguez.

Por Marcelo Winter - Rondônia Já

domingo, 25/07/2021 - 21:41 • Atualizado 27/07/2021 - 01:16
Professora infantil, mãe de cantor sertanejo, morre em acidente na BR-364 em Candeias do Jamari
Maria Raimunda Pereira da Silva - Foto: Reprodução Facebook

A professora de ensino infantil do Colégio Classe A, Maria Raimunda Pereira da Silva, de 51 anos, morreu após o carro em que estava se envolver em um grave acidente na rodovia BR-364, na tarde deste domingo (25) no perímetro urbano de Candeias do Jamari, município distante 20 quilômetros de Porto Velho.

Segundo testemunhas, a professora do Colégio Classe A, também conhecida como tia Ray, estava com a família no carro, voltando de um banho num sítio em Candeias. Segundo a Polícia Rodoviária Federal, o veículo em que estava a professora trafegava sentido Cuaiabá quando colidiu com um Vectra que vinha em sentido oposto e teria invadido a pista na ultrapassagem de um caminhão baú.

De acordo com testemunhas, o motorista do Vectra se feriu, mas, aparentando sinais de embriaguês, fugiu do local com apoio de outro veículo.

A professora, que era passageira no veículo, ficou presa nas ferragens. Junto com ela estavam o marido, que quebrou a perna e a bacia, o namorado da sobrinha e o neto de 5 anos, que também sofreu fraturas. Todos foram retirados do carro por populares e o corpo de bombeiros.

O VW Gol, onde estavam, pegou fogo após a retirada da família.

As quatro vítimas foram levadas ao Hospital João Paulo II, mas, a professora, que havia quebrado as duas pernas e sofrido diversos ferimentos, morreu durante o atendimento hospitalar.

Maria Raimunda Pereira da Silva, além de professora querida no Colégio Classe A, onde lecionou por anos, era catequista voluntária da Igreja Católica e também é mãe do cantor sertanejo Madson Lamarão.

A escola onde lecionava decretou luto de 1 dia em homenagem à docente.

Professora Raimunda Pereira e Madson Lamarão – Foto: Reprodução Facebook

Post sobre a morte da professora Raimunda Pereira – Foto: Reprodução Facebook